quinta-feira, 29 de outubro de 2020   | : :
16_04_2014_18_29_banner_levimagazine.gif

Cidades da região superam a meta do IDEB em 2019

Escolas que participaram do SAEB receberam seus respectivos resultados na última terça-feira, 15 de setembro



Cidades da região superam a meta do IDEB em 2019

Escolas Municipais e Estaduais da nossa região superaram metas estabelecidas pelo IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) no ano de 2019. A listagem dos resultados foi divulgada na última terça-feira, 15 de setembro, pelo INEP (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais), órgão ligado ao Ministério da Educação.

As metas variam de acordo com o ano letivo, sendo eles: 4ª Série/5º Ano – 8ª Série/9º Ano – 3ª Série do Ensino Médio. O objetivo desta avaliação é diagnosticar a Educação Básica do país, avaliando todo o seu sistema educativo. Entre os municípios em que o “Jornal A Voz do Povo da Região” alcança, os destaques com médias referentes às escolas públicas foram:

- Sebastianópolis do Sul (8.3 em Ensino Fundamental Regular – Anos Iniciais; 5.8 em Ensino Fundamental Regular – Anos Finais; 5.5 Ensino Médio)

- Floreal (8.2 em Ensino Fundamental Regular – Anos Iniciais; 5.9 em Ensino Fundamental Regular – Anos Finais; 5.1 Ensino Médio)

- Nova Luzitânia (7.1 em Ensino Fundamental Regular – Anos Iniciais; 5.6 em Ensino Fundamental Regular – Anos Finais; 5.0 Ensino Médio)

- Monções (7.2 em Ensino Fundamental Regular – Anos Iniciais; 5.4 em Ensino Fundamental Regular – Anos Finais; 4.8 Ensino Médio)

- Nhandeara (7.0 em Ensino Fundamental Regular – Anos Iniciais; 5.7 em Ensino Fundamental Regular – Anos Finais; 4.4 Ensino Médio)

Sebastianópolis do Sul, dividiu o primeiro lugar no ranking estadual de “Ensino Fundamental Regular – Anos Iniciais” junto a outras duas cidades: Santana da Ponte Pensa e Elisiário. A secretária de educação, Magali de Fatima Penariol Raia, afirmou que o bom resultado só foi possível devido a investimentos nos recursos didáticos, como livros, computadores, lousas digitais, uma equipe de profissionais engajados (professores, coordenadores, direção e funcionários) que recebem periodicamente formações continuadas e buscam, constantemente, aprimorar seus conhecimentos, sem contar com o apoio da gestão municipal. Ela acrescentou que a implementação do projeto intensivo com os alunos do 5º ano, no contraturno, além do trabalho intersetorial (saúde, educação, assistência social e esporte), reforço contínuo e individualizado e o acompanhamento dos pais e responsáveis, facilitaram a conquista da ‘medalha de ouro’.

Alessandra Camin Scalon, diretora de educação do município de Floreal, comemorou a segunda colocação no ranking estadual também no “Ensino Fundamental Regular – Anos Iniciais”, destacando: “A Educação é a base da sociedade e temos que cuidar do conhecimento desde o início. Esse resultado é o reflexo de um trabalho que vem sendo arduamente construído no dia a dia escolar, trabalho de uma gestão eficiente, de qualidade e de planejamento, investimentos em políticas públicas que colocam a educação como um pilar da sociedade”. Já em Nova Luzitânia, o trabalho realizado contemplou reuniões da equipe gestora (diretora, coordenadora e diretora da Divisão), formação de professores, aplicação de avaliação diagnóstica por meio das plataformas e, da mesma forma, devolutivas através de análises de gráfico referente ao desempenho das turmas.

A primeira dama de Monções, Camila Honorato, também celebrou o desempenho da sua cidade nos índices divulgados e justificou que a contratação de novos docentes, investimentos na formação do grupo de professores e novos materiais pedagógicos, junto a ajuda individual às crianças com dificuldade no aprendizado mediante a reforços, acarretaram em bons números.

Por fim, pela terceira vez consecutiva, Nhandeara alcança a meta estipulada pelo Governo Federal e homenageou toda a Equipe Municipal, especialmente seus alunos e familiares, educadores e administradores por todo o esforço e cooperação entre os próprios envolvidos.

Confira uma análise completa dos resultados obtidos nas últimas edições do SAEB e as metas projetadas a 2021 na imagem:

LEGENDA DA TABELA:

* = Número de participantes no SAEB insuficiente para que os resultados sejam divulgados.
** = Sem média no SAEB: Não participou ou não atendeu os requisitos necessários para ter o desempenho calculado.
*** = Solicitação de não divulgação conforme Portaria Inep.
Os resultados marcados em verde referem-se ao Ideb que atingiu a meta.
X = Nenhum resultado

Galeria de Fotos

Comentar

Compartilhar


Top